Verbo de ligação


dona mamãe
29/04/2014, 19:07
Filed under: Imagem, Prosa | Tags: ,

– Mãe, traz a toalha!

Mais uma vez ele se esqueceu de levá-la ao banheiro.

Lá vou eu. Aproveito e educo. Também brinco e tiro onda.

– Não ouvi as palavrinhas mágicas…

– Ah, tá. Por favor.

– “Por favor, mamãe”.

– Por favor, mamãe. Me dá a toalha!

– Assim não. “Por favor, mamãe querida.”

– Ai, meu Deus! Por favor, mamãe querida!

– “Por favor, mamãe querida, linda do meu coração!”

– Ah, mãe, aí já é demais! Dá logo, tô pingando…

Com uma pontinha de remorso, entrego.

Mas ontem fui eu que me esqueci da bendita.

– Por favor, pega a toalha pra mim, filho!

Ele não demorou. Chegou com o pedido na mão e a cara mais marota. Logo vi suas intenções. Ainda tentei, quase inocentemente:

– Me dá?

– Dou. Mas diz que eu mando aqui.

– Digo sim. – E caprichei na entonação: – Eu mando aqui.

– Não! Diz que “o Antônio manda aqui”!

Coisa chata é admitir um xeque-mate. Ficamos nos olhando e rindo, por alguns momentos. Eu naquela situação, saída do banho, sem toalha, sem documento… Enfim, capitulei:

– O Antônio manda aqui.

Sorriso supremo, entregou o objeto e saiu com seu troféu moral, dizendo:

– É isso aí, dona mamãe!

Onides Bonaccorsi Queiroz

(Foto: Adriana Queiroz)

(Foto: Adriana Queiroz)

Anúncios