Verbo de ligação


MEDITAÇÃO DIRIGIDA PARA CRIANÇAS

Esta meditação, que é realizada pela mãe ou pai, cuidador(a), ou ainda por educador(a) e envolve o bebê ou criança maior, é muito benéfica para o ânimo de ambos, em qualquer circunstância.

É especialmente dirigida para as situações em que a criança se apresenta nervosa, brava, agitada, assustada, triste ou doente.

Senti-me inspirada a fazê-la quando meu filho era bebê e tinha dificuldade para se entregar ao sono. Obtive bons resultados: ele relaxava e dormia sereno. Mais tarde, achei que estava muito birrento – e eu muito irritada – e repeti a meditação, durante algumas semanas. Com o passar dos dias, os dois nos acalmamos e nossa relação melhorou consideravelmente.

Seria interessante fazer a meditação com a criança ao colo, para oferecer-lhe o calor do contato físico carinhoso, que lhe dá muita segurança. No caso de bebês, pode ser feita inclusive enquanto a mãe está amamentando.

E pode ser realizada também quando a criança estiver dormindo em seu berço, na cama, ou, ainda, à distância.

PROCEDIMENTO

Respire fundo algumas vezes e centre a atenção na região do seu peito.

Imagine que o amor que há no seu coração é uma luz que se amplia cada vez que você respira. O amor se expande e vai tomando todo o seu ser, a criança, o ambiente onde você está, toda a casa, a cidade, o mundo e todo o universo.

Com essa imagem do amor envolvendo tudo, confie que você irá superar qualquer dificuldade que esteja atravessando particularmente e em relação à criança. Repita, mental ou oralmente, quando lhe sobrevier a preocupação: “tudo irá se resolver. Tudo vai dar certo.” Relaxe e entregue o controle da situação a Deus.

Respire com amor por você e por toda a criação. Respirando, sempre respirando,

abrace ou, se a criança estiver distante, imagine-se abraçando a criança com carinho e lhe diga mentalmente:

“Eu estou aqui, com você,
E te recebo, querida criança.
Você é meu(minha) convidado(a) de honra.
Eu te acolho no amor do meu coração,
Descanse no amor do meu coração.
Deus toma conta de nós
E eu te protejo,
Eu cuido de você, amado(a)  (nome da criança).

Você é uma criança maravilhosa.
Fique tranqüilo(a),
Você está no colo da paz.”

COMENTÁRIOS

Faça diariamente esta meditação, se necessário, isto é, se a criança estiver muito inquieta ou amedrontada, mais vezes ao dia.

Lembre-se de que a criança é muito sensível a tudo que a cerca, é como uma esponja, absorve o que há perto de si. Portanto, seu humor e sua saúde refletem o estado de ânimo dos pais, do cuidador(a), do educador(a), e de todo o ambiente próximo.

Quem cuida da criança precisa estar com a mente presente no que faz. A criança, mesmo um bebê, percebe quando a mãe está “com a cabeça em outro lugar” e isso faz o pequeno ser se sentir sozinho e abandonado. Essa percepção lhe traz muito medo. Então a criança se agita e pode até adoecer para sinalizar que algo não vai bem.

Mas há como transformar essa situação. Boa vontade é o primeiro passo. Orações e meditações trazem a atenção de volta e sempre aliviam um ambiente carregado de preocupações.

Esta meditação terá um efeito relaxante sobre a criança. Quanto mais você conseguir centrar sua atenção carinhosa, mais o seu(sua) pequeno(a) inocente receberá as boas vibrações de que necessita para se sentir seguro(a) e calmo(a). Você pode oferecer esta meditação, também, para todas as crianças do mundo. Elas têm precisado muito. E quanto mais você compartilha, mais você recebe.  Paz!

 

Onides Bonaccorsi Queiroz


1 Comentário so far
Deixe um comentário

Onides, é linda essa meditação e muito verdadeira.
bjos

Comentário por terezina




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: